Nunca Subestime uma Mulherzinha

R$31.90

Quando a banda Pato Fu surgiu, em 1992, foi um choque. O público não estava mais acostumado com tanta imaginação, tanto experimentalismo, características das mais fortes na produção nacional dos anos 60 e 70. O Brasil havia esquecido esse seu potencial. Mas o grupo apareceu e, em pouco tempo, conquistou a simpatia do público com suas letras bem humoradas e ritmos ‘malucos’. Uma coisa em especial chamou atenção logo de cara – a mulherzinha, com pouco mais de um metro e meio, de voz suave, que se escondia atrás de uma guitarra. Era Fernanda Takai. A amapaense de nascimento, e mineira de criação, produziu em 15 anos de carreira nove discos, três DVDs e uma filha. Mas ainda não se cansou de impressionar. A novidade agora não é com a música, e sim com a literatura. ‘Nunca subestime uma mulherzinha’ é uma reunião de contos e crônicas publicados pela autora nos jornais Correio Braziliense e O Estado de Minas, com prefácio escrito por Zélia Duncan. Nesta publicação o leitor poderá comprovar o talento literário e a irreverência de Fernanda Takai em textos confessionais e bem humorados. Com uma simplicidade sublime, a autora descreve momentos de sua vida e cria outros que poderiam caber na vida de qualquer um.

REF: 2000022714174 Categorias , , ,

Quando a banda Pato Fu surgiu, em 1992, foi um choque. O público não estava mais acostumado com tanta imaginação, tanto experimentalismo, características das mais fortes na produção nacional dos anos 60 e 70. O Brasil havia esquecido esse seu potencial. Mas o grupo apareceu e, em pouco tempo, conquistou a simpatia do público com suas letras bem humoradas e ritmos ‘malucos’. Uma coisa em especial chamou atenção logo de cara – a mulherzinha, com pouco mais de um metro e meio, de voz suave, que se escondia atrás de uma guitarra. Era Fernanda Takai. A amapaense de nascimento, e mineira de criação, produziu em 15 anos de carreira nove discos, três DVDs e uma filha. Mas ainda não se cansou de impressionar. A novidade agora não é com a música, e sim com a literatura. ‘Nunca subestime uma mulherzinha’ é uma reunião de contos e crônicas publicados pela autora nos jornais Correio Braziliense e O Estado de Minas, com prefácio escrito por Zélia Duncan. Nesta publicação o leitor poderá comprovar o talento literário e a irreverência de Fernanda Takai em textos confessionais e bem humorados. Com uma simplicidade sublime, a autora descreve momentos de sua vida e cria outros que poderiam caber na vida de qualquer um.

Peso 0.100 kg

Avaliações


Não há avaliações ainda.

Be the first to review “Nunca Subestime uma Mulherzinha”